.posts recentes

. Mudança de endereço do bl...

. As nossas máscaras de Car...

. Uma surpresa muito docinh...

. Banho, nem pensar!

. O Palhaço Faísca

. O Palhaço Mocotó

. O Palhaço Capacete

. Actividade de Iniciação à...

. A Escola esteve em festa

. Corrida das vassouras

.arquivos

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

Quarta-feira, 19 de Dezembro de 2007

A nossa festa de Natal

Na última sexta-feira realizou-se a festa da nossa escola. Os dias que antecederam foram de muito trabalho para os vossos filhos. Andavam todos entusiasmados, mortos que o dia chegasse, pois guardar um segredo nestas idades custa muito! Mostraram-se durante esses dias bastante empenhados para que tudo corresse da melhor maneira para alegrar os pais e as suas professoras. Nós também andavamos mais nervosas pois queriamos que tudo corresse da melhor maneira.

Desde já temos que agradecer a todas as famílias o empenhamento que mostrara , nomeadamente na caracterização de alguns personagens. Estão de parabéns. Mas foram as crianças as que mais se evidenciaram. Tão pequeninas, mas com tanta responsabilidade e empenho nos papeis que representaram.

Uma palavra de agradecimento à Associação de Pais que colaborou de uma forma activa nesta festa.

Em seguida irão ver algumas fotografias desse dia e os registos realizados por algumas crianças.

 

 

 

 

 

 

                            

  

 

Até 2008 com muitas mais novidades

 

 


publicado por malmequeres às 00:27

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Terça-feira, 18 de Dezembro de 2007

Uma corrida de Bruxas

Na semana passada tivemos uma visita. Duas amigas de Beatriz, a Margarida e a Suzana, vieram à nossa sala contar uma história de bruxas. Até traziam chapéu, luvas, vassoura e tudo aquilo que pertence às bruxas:

 

Nós estivemos com muita atenção e no fim estivemos a imaginar a conversa ao telemóvel entre as duas bruxas que entravam na história:

 

 

Durante a história estavamos todos com muita atenção.

 

A Beatriz e as amigas ficaram muito contentes pois estivemos muito atentos e não tivemos nenhuma dificuldade em recontar a história.

À tarde  a Beatiz disse que gostava de pôr a história no blog, mas já não se lembrava muito bem. Então nós, contamos a história enquanto a Beatriz escrevia o que nós diziamos.

"Era uma vez uma bruxa que gostava de viver nas alturas por isso a sua casa era num guindaste. Era tão alto que podia ver tudo à sua volta, só que era tudo tão pequeno que parecia de brincar.

A bruxa chamava-se Cornélia e era muito alta, tinha um gato preto e morcegos pra lhe fazer os recados. Tinha também uma grande colecção de vassouras: uma não aguentava peso, a outra voava muito depressa, ainda outra que voava muito alto e outra que  tornava invisível quem nela andasse.

 

A Cornélia tinha uma prima gorda e baixa, vivia junto ao rio e chamava-se Tarancula.

 

 

 

Ela não andava de vassoura, tinha um barco voador em forma de crocodilo e uma boia parecida com uma giboia.

 

Um dia a Cornélia convidou a sua prima para fazer um piquenique. Então resolveu telefonar-lhe:

- Estou, quem fala?

- Sou a Tarancula

- E eu sou a tua prima Cornélia. Queres vir fazer um piquenique e uma corrida de vassouras.

- Pode ser. - respondeu a Tarancula

- Então às 6 horas eu espero por ti na praia - disse a Cornélia.

Então à hora combinada encontraram-se. A Cornélia emprestou à prima a vassoura que não aguentava peso. Então a vassoura partiu e ela caiu em cima de uma estátua.

Uns dias mais tarde a Tarancula convidou a Cornélia para um passeio de barco. Levavam para o almoço rissois de camaleão, croquetes de tripas com pimenta, agua-rás e água das pedras.

O barco ia tão pesado e abanava tanto que o gato enjoou e caiu à agua. A prima Cornélia saltou do barco para salvar o gato, mas com não sabia nadar quase se afogou. A prima Tarancula atirou-lhe a boia giboia que a apertou muito.

Como estavam todos salvos as duas primas deram um grande abraço e fizeram as pazes, arrependendo-se das partidas que pregaram uma à outra.

As primas bruxas estão à espera de ser convidadas para irem à festa da casa dos meninos que gostaram desta história.

"FOMOS TODOS NÓS"


publicado por malmequeres às 23:17

link do post | comentar | favorito
|

A Magia das formas

A Arnaldina contou-nos uma história, de umas caixas de cartão que se encontravam esquecidas em casa de uma familia que gostava de guardar e reciclar materiais. Como o Natal se aproximava, as caixas queriam participar também nesta festa, resolvendo por isso ir dar um passeio. Encontraram uma amiga, a máquina de lavar a louça, que as ajudou a resolverem o problema. Através de uma magia, foram parar ao J.I. da Arroteia, transformaram-se em diferentes formas geométricas, passaram pelo contorno, pelo recorte, pela pintura, pela colagem e vejam o que nós conseguimos construir com todas estas brincadeiras. 

Mas se querem saber exactamente o que se passou, perguntem a estes meninos, que eles contarão todas estas aventuras.

 

 

Com triângulos, quadrados e rectângulos construimos uma casa

 

 

 

De seguida pintamos as diferentes formas,

 

 

 

E conseguimos fazer uma vela e uma estrela

 

 

Depois de muito trabalho construimos o nosso Pai Natal que colocamos no nosso placard da escola.

 

 

 

 

 

 

 Com os bonecos de neve , um ficou a fazer companhia ao Pai Natal, os outros junataram-se às estrelas e assim enfeitamos as nossas escadas.

 

 

 

Esperamos que tenham gostado destes nossos trabalhos. A todos desejamos que ponham as vossas casas também muito bonitas para que com muita alegria vivam intansamente esta época tão festiva.

BOM NATAL E UM FELIZ ANO

 


publicado por malmequeres às 21:32

link do post | comentar | favorito
|

Estivemos em Festa

Em Novembro, no dia 27, o nosso amigo Simão completou 5 anos. Estava muito feliz e nós também por podermos partilhar com ele esta data. À hora do lanche todos cantamos os Parabéns e festejamos comendo um bolo delicioso de chocolate que nos trouxe para a escola. Parbéns Simão. 

 

Também no dia 14 de Dezembro outro nosso amiguinho, o Luis completou também 5 anos. Fizemos-lhe também uma festa, cantando os parabéns e desejando muitas felicidades. O bolo do Luis também era muito giro, um bonito campo de futebol. Parabéns Luis.

 


publicado por malmequeres às 21:31

link do post | comentar | favorito
|

Segunda-feira, 17 de Dezembro de 2007

Era uma vez no Natal

A Arnaldina contou-nos uma história sobre os pinheiros de Natal que viviam num viveiro perto da casa do Simão. Entre eles havia um pinheiro diferente que ninguém queria comprar.Porém o Simão e o avô que também queriam comprar um pinheiro para enfeitarem a sua casa quando chegaram ao horto repararam que o pinheiro que restava era diferente. Gerou-se alguma confusão. O avô não queria o pinheiro, mas o Simão lá o convenceu. Chegados a casa, todos se mostraram admirados com a opção do Simão, mas depressa este consguiu provar a todos que estava cheio de razão. Gostamos muito desta história, fizemos  registo e de seguida elaboramos o livro que já esteve na nossa bilblioteca e agora está na Festa do Livro na E.B.2.3

Não querem ir até lá fazer uma visita?

Os nossos registos afixados no placard da nossa sala.

 

 

Um dos nossos meninos a ler as imagens.

 

 

 

Já viram o nosso livro na estante. Tal como o pinheiro também é diferente, mas é engraçado.

 

 

 

Na nossa Festa de Natal fizemos a dramatização desta história. Digam-nos o que pensam desta nossa representação....


publicado por malmequeres às 09:52

link do post | comentar | favorito
|

Terça-feira, 11 de Dezembro de 2007

O Passeio à casa da Joana

 

 

Como podem ver os nossos feijões estão enormes e já não conseguem crescer mais dentro desta floreira. Assim resolvemos, como já devem saber, levá-los para a casa da Joana.

Então, hoje fomos levar os nossos feijões para plantar. Fizemos um comboio muito direitinho e lá fomos nós estrada fora com muito cuidado, tal como a Beatriz nos pediu.Qquando lá chegamos entramos se fazer grande barulho.

 

 

 

Com muito geitinho tiramos as plantas da floreira e vimos que tinham uma grande raiz. Com a ajuda da D. Lurdes colocamos na terra. Com um sacho fizemos um buraco na terra onde plantamos os pés de feijão. A seguir tapamos com a terra. Para os pés não cairem  e crescerem colocou-se uma estaca.

 

 

 

A seguir a mãe da Joana, a D. Maria da Conceição, mostrou-nos uns coelhinhos bébés, um branco e outro castanho.

 

 

No fim comemos um rebuçado e regressamos à nossa querida escola.

 

VITÓRIA, VITÓRIA, ACABOU-SE A HISTÓRIA

  ( texto ditado pelo grupo e escrito por mim)

 


publicado por malmequeres às 17:08

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Quinta-feira, 6 de Dezembro de 2007

Os bolinhos de côco

A Diana outro dia trouxe para o lanche da manhã uns bolinhos de côco. Deu-me a provar e  como estavam óptimos,disse-lhe para pedir à mãe a receita para fazermos no Jardim. Ela como é bastante despachada, para além de pedir a receita pediu também os ingredientes para levar para a escola.

Então ontem sem contarmos lá trazia na sua mochila todos os ingredientes. Assim resolvemos que seria hoje o "grande dia". E assim foi. De manhã estava já tudo preparado  e foi só "pôr mãos à obra"

Fomos à cozinha buscar os utensílios necessários e começamos a trabalhar: 

 

 

 

 

 

Como somos uns meninos muito amigos oferecemos aos nossos colegas da sala de cima.

Alguns dos meninos quizeram fazer o registo da actividade de culinária e não nos esquecemos de nada

 

 

Por hoje é tudo. Pode ser que amanhã haja mais novidades.

 

Boa noite.  


publicado por malmequeres às 23:53

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|

Os nossos trabalhos de Natal

Já devem saber como andamos atarefados com os ensaios para a nossa festa de Natal que já está quase a chegar. Andamos um pouco nervosos, mas faz parte. Os nossos pais estão ansiosos por saber o que se passa, mas têm de ter paciência pois já só faltam pouco mais de uma semana. Mas nós temos sido muito crescidos, é o que nos diz a Beatriz. Ela terá razão?

Hoje vimos mostrar-vos alguns dos trabalhos que temos feito para a nossa escola,para ela ficar tão bonita como as nossas casas.

Com os rolos de papel higiénico que trouxemos de casa fizemos umas árvores de Natal que estão a enfeitar a entrada do nosso Jardim.

 

 

 

Fizemos também uma árvore com muitas estrelas, umas verdes e outras vermelhas. Foi uma actividade muito engraçada. a Beatriz ajudou-nos a recortar as estrelas porque eram muitas, mas os meninos mais crescidos também as cortaram. Ao montá-la não nos podiamos enganar, porque tinha que ser uma verde, outra vermelha, uma verde, e outra vermelha. Na carreira de cima tinha de ser ao contrário. foi muito divertido.

 

 

 

 

As caixas de cartão que uma mãe nos levou têm feito muito jeito. Querem ver?

 

 

Agora temos que continuar os nossos ensaios para no dia 14 ser um sucesso.

Mas ainda nos voltamos a encontrar.

 

Até logo...


publicado por malmequeres às 23:05

link do post | comentar | favorito
|

Terça-feira, 4 de Dezembro de 2007

A nossa árvore de Natal

Como tinhamos prometido, cá estamos a apresentar a nossa brincadeira com as formas geométricas, os nossos triângulos, e o que construimos com os outros amigos, os circulos, os quadrados e os rectangulos 

 Todos decidimos que participariamos na construção da nossa árvore de Natal. Com a ajuda dos diferentes elementos da Caixa dos Blocos Lógicos (diferentes formas geométricas de diferentes tamanhos, cores e espessura), fizemos o contorno das formas em papel metalizado de diferentes cores

 Os quadrados, juntos com os triângulos formam as estrelas, os circulos são as bolas e os retângulos as velas e os triângulos pequeninos as chamas.

 

 

 

Depois recortamos e fomos colando nos vários triângulos que iriam ser os ramos da nossa árvore

 

 

 

À  medida que decoravamos os ramos, com a ajuda da  Arnaldina, fomos construindo a árvore numa folha de papel de cenário

 

  

 

 

 Agora sim, já vamos vendo que o nosso trabalho valeu a pena. Só falta mesmo acabar a estrela para que a nossa árvore fique bem iluminada.

 

 

 

Ah!!! finalmente acabada e colocada na porta.

 

 

 

 

Que acham? digam-nos o que pensam desta nossa actividade...

 


publicado por malmequeres às 23:14

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Segunda-feira, 3 de Dezembro de 2007

O Pai-Natal

Um outro símbolo do Natal é o nosso querido Pai-Natal. A Beatriz contou-nos a História  " O Natal do Henrique Sempre Espera". Aqui entrava um Pai-Natal que foi levar uma prenda ao Henrique, mas teve pelo caminho muitas peripécias. Peçam aos vossos filhos para vos contarem a história. Então, depois resolvemos também fazer o nosso "Pai-Natal". Ficou muito engraçado e está junto ás nossas cartas. Querem ver as fotografias?

 

                Aqui estou a pintar o gorro

 

 

                Agora pinto o casaco

 

 

            Já so falta pintar as botas...

 

 

             ... e colar o cinto.

 

 

Aqora Pai-Natal, se fizeres o favor, lê bem as

nossas cartas e vê se não te esqueces de

nenhum menino!


publicado por malmequeres às 19:18

link do post | comentar | favorito
|

.Liebestraum No. 3 in A flat Major

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Fevereiro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29


.tags

. todas as tags

.Fazer olhinhos

blogs SAPO

.subscrever feeds